Salto é uma das cidades menos vulnerável ao Covid-19 na região

De acordo com um estudo divulgado pelo Instituto Votorantim, a cidade de Salto apresenta menor vulnerabilidade ao novo coronavírus (Covid-19) entre todos os municípios da região de Sorocaba. A pesquisa teve como objetivo mapear a pandemia em todas as cidades do país. O Índice de Vulnerabilidade Municipal (IVM) utilizou dados secundários públicos obtidos por meio de fontes oficiais como o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), o Sistema Único de Saúde (SUS), Cadastro Nacional de Estabelecimentos de Saúde (CNES) e Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANSS).

O IVM é composto por 18 indicadores distribuídos em cinco pilares temáticos com pesos diferenciados que abrangem dados relacionados a População Vulnerável (30,96), Economia Local (62,57), Estrutura do Sistema de Saúde (66,04), Organização do Sistema de Saúde (33,53) e Capacidade Fiscal Administrativa Municipal (41,48). O índice varia de 0 a 100, indicando que quanto maior o valor, mais vulnerável e suscetível o município está com relação aos impactos do Covid-19.

Segundo o estudo, na região de Sorocaba, a cidade de Salto ocupa a 4ª posição, ficando com índice geral de IVN de 44,70, atrás apenas de Porto Feliz (39,21), Cabreúva (41,33) e Iperó (44,55), e superando outros 13 municípios, incluindo Itu, que registrou um IVN de 48,32 e abaixo de Indaiatuba (que pertence a região de Campinas) com IVN de 40,32.

Na comparação com os demais municípios do Estado de São Paulo, Salto é a 80ª com menor vulnerabilidade. Já a cidade paulista com menor vulnerabilidade é Colina, com IVN de 28,61. E o município com o maior índice é Floreal, que registra IVN de 69,11.

Os dados podem ser acessados através no site do instituto.

Avatar

Caio Vinícius Dellagiustina

Jornalista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *