Renascimento

Meu filho Yuri acidentou-se de bicicleta na sexta-feira da semana passada.

Todas as vezes que alguém da minha família precisou de atendimento no Hospital Municipal, absolutamente todas, sempre fomos muito bem atendidos.

Cirurgia de grande monta da minha mãe, tão perfeitamente cuidada por Doutora Terezinha Vendramini Mariano e Doutor Amilcar Ribeiro Carvalho. Meu pai com cólica renal, atendido e cuidado pelo Doutor Márcio Penitente. Tão bem atendidos a ponto de meu pai sair do hospital com tomografia dos rins pronta e com laudo.

Todos os atendentes do acidente do meu filho nos auxiliaram muito, desde as moças da recepção, o João e todos os outros controladores de entrada, todos os enfermeiros, do Rodrigo até a enfermeira chefe, Bruna. Atenciosos, cuidadosos, com ânimo ao trabalho e também com o entendimento de que ninguém vai ao hospital a passeio. E isso, enquanto aguardamos notícias e novidades sobre o nosso paciente, é tudo de muito bom e eu agradeço.

Agradeço também os amigos Cesar Castro e Thiago Leite, que estavam junto no momento do acidente e o socorreram tão bem enquanto aguardavam o resgate, auxiliado que foi o Cesar, pelo irmão, Doutor Renato Marcondes, neurocirurgião, que de lá de tão longe deu todas as dicas do que se fazer, no momento “só espera”.

O pessoal do resgate, que conversou com ele o tempo todo, no trajeto, garantindo assim que, pós pancada na cabeça, não dormisse. Muito obrigada.

Doutores Luiz e Danilo que em todos os momentos em que fiz perguntas, quando pude vê-los, muito me esclareceram sobre tudo o que estava acontecendo a cada momento. Corpo radiografado, nenhum osso quebrado, tomografia feita e sem trauma no crânio.

Doutor Paulo Renato Miranda Campos, que assumiu o plantão as 19 horas, analisou tudo novamente, junto com doutor Renato e decidiram que ele poderia ter alta, terminar de se recuperar das dores e do susto, em casa.

Ele está bem agora, em franca recuperação e quase pronto para pedalar de novo. Acidentes acontecem e eles não podem te impedir de seguir vivendo e fazendo o que te dá prazer e faz de você um atleta. Aliás, o “ser atleta” é um dos pontos em que tudo fica mais fácil em qualquer tipo de recuperação referente à saúde. Cuidem-se todos e tenham sempre um excelente capacete a te acompanhar nas pedaladas. Ele realmente te salva.

O motivo de contar tudo isso para vocês, que costumam me ler é que, saiba: Num acidente, mesmo que você tenha um convênio médico, nunca será levado ao hospital do seu convênio. Sempre será encaminhado ao hospital municipal, aquele, que é cuidado e atendido pelo SUS, Sistema Único de Saúde.

“Lute pelo SUS”, “Defenda o SUS”, pois saúde pública de qualidade, ali está. Até hoje não tenho nada a reclamar e possuo a convicção de que quando precisar, serei bem atendida.

E vamos torcendo muito para que a qualidade dos atendimentos municipal, estadual através do AME e todos os outros que nos são dados em retorno aos impostos que pagamos, possa a cada dia ser melhor e cuidar bem, de cada paciente que deles necessite.

Obrigada a cada um dos envolvidos nos atendimentos dispensados.

Posts Relacionado

Inscrições para mostra de presépios vivos estão abertas

Estão abertas as inscrições para a Mostra de Presépios Vivos, promovidas pela Secretaria de Cultura. Os interessados têm até o dia 6 de dezembro para se inscreverem. Basta ir até a sede da Secretaria da Cultura, situada à Praça Antônio Vieira Tavares, 20, no Centro,