Projeto pode multar quem furar fila na vacinação contra a Covid-19

O vereador Fábio Jorge apresentou nesta semana à Casa de Leis um projeto de Lei que aplica sanções contra fraudes ao não cumprir da ordem na vacinação contra o novo coronavírus. Se aprovada, a multa para quem furar a fila pode chegar a R$ 49 mil.

A proposta prevê penalizações para pessoas imunizadas indevidamente, à quem aplicar a vacina de forma irregular e também aos superiores imediatos desses profissionais. “Esse projeto de lei inclui punição para aqueles que cometem fraudes diretas nas vacinações, como aplicação de “vacina de vento” (com a seringa vazia) ou injetando qualquer outro liquido que não seja a vacina propriamente estabelecida pelas autoridades municipais de saúde. Com isso, estabelecemos nova sanção do município coibindo mais um artifício possível garantindo assim o bom andamento da vacinação”, explicou o vereador.

O projeto tramitará em regime de urgência, após o pedido ser aprovado pelos vereadores.

Posts Relacionado

Caravana da Coca Cola passará por Salto no dia 11 de dezembro

O Natal vem vindo e, junto com ele, a já tradicional Caravana de Natal Coca-Cola, que marca a contagem regressiva para a tão esperada data. Em Salto, o comboio passará no dia 11 de dezembro, em horário ainda não divulgado pela Sorocaba Refrescos, empresa responsável

Grupo AB Colinas abre processo seletivo para vagas em tecnologia

A AB Concessões, grupo do qual a AB Colinas, concessionária do Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo, faz parte, abriu processo seletivo para contratação de especialista de cyber security e em governança de TI para trabalhar em nosso escritório em Itu. Para