Os 5 passos para o casamento dos sonhos

Quando a gente encontra aquela pessoa que faz a vida ter uma outra cor e com mais metas e planos, casar é uma opção que pode estar entre os itens do planejamento a dois.

Mas então, quando começar a planejar o casamento?

Quando se já entrou num acordo de que haverá casamento (e aqui me refiro aos protocolos, cerimônia e seus ritos, festa e sua balada animada tchê tchêrêrê tchê tchê (sim! Sou da época do Gustavo Lima).

Estamos acordados que haverá toda a pompa e circunstância? Sim, estamos.

Sendo assim vamos para os cinco passos que toda noiva precisa dar para poder ter um casamento dos sonhos, realizado sem pesadelos.

O primeiro e acima de tudo é: tenha sua liberdade financeira, um casal multiplica e não divide nem a escova de dentes, quiçá o dinheiro. 1 + 1 = 2. Assim com certeza você poderá incluir seus caprichos na sua festa de casamento sem precisar ficar de mimimi convencendo o noivo de que ‘aquele’ porta guardanapo é de fato extremamente fundamental para o sucesso e bem estar do casamento de vocês. Você tem lá sua reserva para isso e paga do seu gosto e jeito.

Segundo passo: antes de oficializar a data e colocar no facebook, definam onde irão morar. Se será locado, pesquise média de valores de aluguel, localização, estilo de moradia. Se irão construir, o foco é a construção até o final, nem queira casar e construir ao mesmo tempo, é muito desgastante para o casal. A não ser que, vocês tenham muito dinheiro e não vão precisar ficar pechinchando o valor da torneira da cozinha nem os docinhos do casamento. Saber para onde vai depois do dia do grande sim é fundamental, porque a festa só dura 5 horas, já a vida a dois subtende-se que dure mais (…)

Terceiro passo: mantenha sua individualidade como pessoa e permita que seu parceiro também a tenha. Momentos entre amigos contribui para a auto estima do indivíduo que, consequentemente irá agregar numa relação a dois. Saia com as amigas, incentive-o a ir ao futebol de quarta. Dessa forma, vocês terão outros assuntos e não apenas ‘construção’ ou ‘casamento’ e isso será muuuito melhor para vocês. Garanto.

Quarto passo: Faça terapia.  Poder desabafar seus conflitos internos com alguém neutro, isto é, profissional qualificado e que não faz parte da sua roda de convivência, ajuda e muito na construção do seu caráter principalmente a ponto de ter uma vida totalmente diferente com o casamento.

Quinto passo: Seja firme com seus sonhos, mas flexíveis com o sonho do seu parceiro. Respeite a dor da separação da sua sogra com o filho dela, mas com cautela imponha limites, se for necessário. Tenha em mente que nem todo mundo vai incentivar suas escolhas e muitos ao seu lado irão torcer para não dar certo. Estar certa do que quer e com quem quer, unidos, nem é um passo, mas a base concreta que se deve ter no dia em que disser: “Sim”

Posts Relacionado

Tijolos / Coleção / Fontes Históricas – Parte II

Continuação… Inicio com um dos preferidos da coleção, o F.F.B. Trata-se de um tijolo que almejava há algum tempo e via muitos dele no Museu de Salto. A sigla é a abreviação de Francisco Fernando de Barros, mais conhecido como Barros Jr. Ele veio parar

Marcando um encontro consigo mesmo

Você que começou a ler esse texto, peço licença para falar com seu lado mais íntimo, onde ninguém consegue entrar a não ser que você permita. Obrigada. Ter alguém tão perto de nossos pensamentos, principalmente daqueles mais sombrios ou tão perto dos nossos sentimentos, que normalmente