Novembro Azul: um sinal de alerta para a saúde dos homens

Em tempos de pandemia, muitas pessoas adiaram exames preventivos, ou até mesmo deixaram para depois uma consulta médica de rotina pelo medo de se exporem ao coronavírus. Tal situação nos preocupa muito pois esse afastamento pode impactar na detecção precoce de doenças potencialmente curáveis, e para os homens uma dessas doenças é o Câncer de Próstata.

Novembro é o mês que escolhemos para enfatizarmos a importância do cuidado da saúde masculina, em especial na prevenção e diagnóstico precoce do câncer de próstata. Essa campanha nesse momento de pandemia ganha ainda mais força para a conscientização da importância do autocuidado e da continuidade dos tratamentos e acompanhamentos.

Apesar de estudos epidemiológicos recentes mostrarem que a incidência e mortalidade do câncer de próstata têm ficado estáveis nos últimos anos, essa doença ainda é a segunda neoplasia mais comum entre homens no mundo. Sem considerar os tumores de pele não-melanoma, o câncer de próstata é a neoplasia maligna mais frequente nos homens no Brasil. A estimativa pelo INCA (Instituto Nacional do Câncer) para 2020 é de mais de 65 mil novos casos no país.

Os principais fatores de risco que podem aumentar o risco de desenvolver o câncer de próstata não são modificáveis. São eles: idade acima de 50 anos, ascendência africana ou caribenha, histórico familiar com parente de primeiro grau (irmão ou pai) com diagnóstico antes dos 60 anos, algumas alterações genéticas hereditárias como por exemplo mutação dos genes BRCA1 ou BRCA2. O excesso de gordura corporal ou obesidade pode aumentar a chance de doença mais avançada ao diagnóstico. Alguns dados favorecem que o controle do peso corporal em níveis saudáveis, a prática regular de exercícios físicos e uma dieta equilibrada rica em vegetais e frutas podem reduzir esse risco.

Em sua fase inicial o câncer de próstata em geral não provoca sintomas, mas quando sim os sintomas podem ser irritativos (aumento da frequência urinária, urgência miccional ou incontinência urinária) ou obstrutivos (redução do calibre do jato urinário, dificuldade de esvaziar a bexiga). Nas fases mais avançadas, quando tem o acometimento de outros órgãos (por contiguidade ou por metástases), a doença pode causar dor pélvica, óssea, lombar, retal; sangue na urina ou fezes, ou inchaço nas pernas. A maioria desses sintomas citados podem ser causados por outras doenças ou até mesmo pelo crescimento benigno da próstata, mas eles servem de alarme e devem ser informados ao seu médico se estão presentes.

Considerando que essa é uma doença que, geralmente, não se manifesta clinicamente em estágios iniciais, sabemos da importância da sua detecção precoce.

Para aqueles que tem a indicação de realizar o rastreamento faz-se a dosagem sanguínea do PSA (Antígeno Prostático Específico) e deve-se complementar com o toque retal. Nenhum dos dois exames tem precisão de 100% para o diagnóstico, por isso são necessários exames complementares após resultados suspeitos naqueles exames. A biópsia é o único método capaz de confirmar o diagnóstico do câncer e dar informações adicionais como características tumorais que vão refinar a decisão do tratamento.

Apesar de todo o esforço mundial em prol da conscientização sobre a importância dos homens cuidarem de sua saúde, fazer o exame da próstata, principalmente o exame de toque retal ainda é um tabu que os afastam dos consultórios urológicos. Por conta desse preconceito, infelizmente muitos homens deixam de ter o diagnostico do câncer de próstata em fases mais precoces.

Estamos todos juntos nessa luta contra o câncer de próstata e lembrem-se: cuidar da saúde também é coisa de homem. Previna-se!

Posts Relacionado

Salto tem quase 400 casos de Covid em menos de 20 dias do mês de janeiro

Conforme o boletim epidemiológico divulgado nesta segunda-feira (18), a Secretaria de Saúde de Salto confirmou 41 novos casos de Covid-19 no município, totalizando 4.791 casos positivos. Desses, 41 receberam o resultado positivo hoje. Nos 18 dias primeiros dias de 2021, já são 392 casos confirmados,

Financiamento Estudantil oferece 93 mil vagas neste ano

O Fies (Fundo de Financiamento Estudantil) vai oferecer 93 mil vagas neste ano. O período de inscrições para o processo seletivo do Fies para o 1º semestre de 2021 é do dia 26 até as 23h59 de 29 de janeiro de 2021. O resultado será

Inscrições para o Encceja terminam dia 22 de janeiro

Vão até o dia 22 de janeiro as inscrições para o Exame Nacional para Certificação de Competências de Jovens e Adultos (Encceja). Os interessados podem se inscrever na página do Encceja na internet (enccejanacional.inep.gov.br), gratuitamente. Caso necessário, o participante pode solicitar, durante a inscrição, atendimento

Tudo vai melhorar, só depende de você!

Caríssimos leitores, Mais um ano se inicia. Desejo a todos um ano cheio de saúde, paz e realizações. Esta é uma Época de planejamento e renovação das esperanças. Cuidar da saúde e, principalmente, das pessoas. Devemos valorizar nossos familiares, amigos, vizinhos etc. Dar atenção e