Laerte assumirá a Prefeitura com dinheiro em caixa, garante Geraldo

Faltando menos de 15 dias para deixar o cargo de chefe do Executivo, Geraldo Garcia já se prepara para fazer a transição com o novo prefeito, Laerte Sonsin. Nesta semana, começaram os contatos para troca de informações dos secretários. Na próxima semana, o atual prefeito receberá o novo prefeito para uma conversa amistosa, em que pretende apresentar o Paço Municipal e também fornecer informações sobre a situação do Poder Executivo.

Nesta semana, a reportagem do PRIMEIRAFEIRA questionou o chefe do Executivo sobre a situação em que a Prefeitura fechará o ano de 2020. Em resposta, o Poder Executivo informou que a previsão é que a Prefeitura feche com recurso em caixa. “Só não temos o valor real, pois o mês (dezembro) está em curso e só teremos o valor real quando efetivamente fecharmos o boletim de caixa do mês de dezembro”, destacou.

Em seguida, a Prefeitura informou que o mês de novembro fechou com um saldo superior a R$ 50 milhões. “Conforme boletim, encerramos o mês de novembro com um total de R$ 52,3 milhões em caixa, sendo R$ 24,5 do município; R$ 6,1 do Estado e R$ 21,5 da União”.

O prefeito informou também que todas as despesas relacionadas a folha salarial e fornecedores contratados neste mandato serão pagas ainda neste ano. “E o que virar de resto a pagar terão suporte financeiro”, afirmou.

A Prefeitura, porém, admite que existem dívidas que foram deixadas por governos anteriores e que ainda estão sendo pagas.

Legado

Indagado sobre a situação em que deixa o cargo, Geraldo Garcia citou que deixará importantes obras e projetos em andamento. “Cito a nova Clínica de Saúde para a cidade (que segue um novo modelo de atendimento e estrutura em saúde – sendo agora clínica de saúde no lugar do antigo postinho), na Região do Jd. Panorama / Nair Maria, como também a área e projeto da nova Estação de Água Tratada de Salto, para a captação no Rio Jundiaí; sem contar no início de uma nova etapa para a consolidação da Estância Turística, com o Trem Republicano”.

Sobre o legado que fica para Salto, o prefeito afirmou: “O legado do prefeito Geraldo Garcia vai além deste mandato. Com 30 anos de vida pública, Geraldo figura entre um dos maiores gestores da cidade de Salto. Não à toa, é conhecido como o prefeito que ‘mudou a cara’ da cidade. Essa transformação em Salto foi fruto de um trabalho árduo dos últimos anos. Mudanças importantes e estruturais, como as duplicações das entradas em saídas da cidade, novas avenidas, investimento na qualidade de vida da população através da Educação, Saúde e Bem-Estar, foram fundamentais para a atração de novos negócios, empresas e desenvolvimento para o município. Com diversos prêmios de reconhecimento, Salto se tornou destaque nacionalmente pelos projetos em diferentes áreas, como Meio Ambiente, Educação e Turismo”, finalizou.

Posts Relacionado

Já dá para falar de casamento?

Ah já. Da para falar do que você quiser. Falar é o que mais se pode fazer neste momento. Dá para casar? Dá também, desde que para você casamento seja um contrato assinado em cartório entre duas pessoas com mais duas de testemunha e um

A vida continua…

Estamos há mais de um ano vivendo em uma nova realidade, a de conviver com um inimigo invisível, devastador e que, certamente está ao nosso lado. Foram muitas perdas, muitas famílias desestruturadas e cheias de dor. Foram necessárias inúmeras mudanças de hábitos, da nossa rotina,