Executivo confirma reajuste do IPTU para 2022 sem aumento real

A Prefeitura de Salto confirmou ao Jornal PRIMEIRAFEIRA que o reajuste do IPTU para 2022 será baseado apenas na atualização monetária do imposto, que utiliza como referência média o IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor), não havendo dessa forma, ajuste real no imposto.

Segundo o Executivo, a correção é “imprescindível”. “A Prefeitura de Salto, por meio da Secretaria Municipal de Finanças, informa que não haverá aumento real do IPTU e sim apenas atualização monetária do imposto, possuindo como referência a média do IPCA/IBGE. Vale salientar que tal correção monetária é imprescindível, sob pena de renúncia de receita, tendo em vista que todas as despesas do município serão atualizadas conforme o índice inflacionário do período”, destaca o Executivo.

O Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea) elevou a expectativa para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de 2021, que passou de 5,9% para 8,3%. O instituto lembrou que o IPCA atingiu 9,68% nos últimos 12 meses até agosto.

Posts Relacionado

IFSP-Salto está com inscrições abertas para cursos técnicos gratuitos

O Instituto Federal de São Paulo (IFSP) está com inscrições abertas para o ingresso de novos estudantes, no primeiro semestre de 2022, para cursos técnicos integrados, concomitantes e subsequentes da Instituição. Todos os cursos são gratuitos, sem cobrança de mensalidade ou de taxa de matrícula.