Edição 1643

Enquanto muitos trabalhadores tiveram suas rendas afetadas pela pandemia de coronavírus e ainda tem os empregos em risco, a Câmara de Vereadores de Salto deverá optar por não reduzir os subsídios dos agentes políticos de nossa cidade na próxima legislatura. Essa e outras reportagens você confere na versão digital do PRIMEIRAFEIRA.

•DESEMPREGO: Mais de 5 mil postos de trabalho foram fechados no primeiro semestre;

•Kiel chama OAB de omissa e acusa vereadores no caso de Fake News;

•Salto tem a menor taxa de contaminação de coronavírus em toda região;

•Pintor bebe demais para comemorar nascimento da filha e se envolve em confusão com policiais;

Já nas bancas

#jornalprimeirafeira #bancas #camaradevereadores #subsídios #reajuste #covid-19 #coronavírus #caged #emprego #desemprego #oab #fakenews #polícia

Posts Relacionado

Vereador que instituir Hip Hop como Patrimônio Imaterial do Município

O vereador Michel Oliveira, que substitui o vereador licenciado, Antonio Cordeiro, apresentou um Projeto de Lei que declara como Patrimônio Cultural de natureza imaterial do Município de Salto a cultura Hip-Hop. A proposta tornaria o Poder Público Municipal o responsável pelo desenvolvimento, fortalecimento e visibilidade

Nova fase de flexibilização começa a valer no domingo

A partir deste domingo (1º de agosto) o Estado de São Paulo entra em uma nova fase de flexibilização para o comércio e o funcionamento das atividades econômicas em geral. A fase de transição seguirá até o dia 16 de agosto, com a atual taxa