Câmara estuda reabertura do plenário para o público na próxima semana

O presidente da Câmara, Lafaiete Pinheiro, anunciou ao final da sessão da última terça-feira (23) que deverá publicar um decreto no início da próxima semana autorizando a presença de público no local. Lafaiete comentou que alguns vereadores já haviam lhe pressionado sobre esse retorno e que também já estudava a medida.

“Alguns vereadores me falaram isso, o Edemílson inclusive enviou um ofício e eu já havia pensado nessa possibilidade, inclusive tinha até falado com a Rosângela (Diretora Legislativa de Administração), sobre a reabertura da Câmara para o público. Estamos vendo, vamos fazer uma portaria, para a volta do público”.

O chefe do Legislativo falou que o público total será reduzido a 30% da capacidade e que os presentes deverão respeitar as normas de segurança, como o uso de máscara. Como justificativa, o presidente citou a baixa presença popular no plenário. “Estavam vindo cerca de 5 ou 6 pessoas”.

Lafaiete, quando procurado pelo PRIMEIRAFEIRA, disse que a ação respeita as recomendações do Ministério da Saúde. A medida poderia abrir brecha para cinemas, teatros e até mesmo escolas voltarem a funcionar nos mesmos moldes, porém, quando perguntado se a Câmara pode intervir também nessas áreas, o presidente não se manifestou.

O PRIMEIRAFEIRA também procurou o Executivo, mas o mesmo disse que a Câmara Municipal exerce a sua função legislativa independente do Executivo. “Por isso, os projetos de decreto legislativo visam regular as matérias de privativa competência da Câmara, para produzir efeitos externos”.

Avatar

Caio Vinícius Dellagiustina

Jornalista

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *