Após deixar a Câmara, Márcio Conrado é atacado por vereadores

Enquanto ainda estava na Câmara, o agora secretário de Saúde Márcio Conrado, recebeu elogios pelo trabalho desenvolvido ao longo dos mais de quatro anos em que esteve no Legislativo e o desejo de boa sorte na nova empreitada. Porém, bastou sair para que os ex-companheiros de Legislativo iniciassem os ataques à gestão da Saúde Pública e também à escolha do prefeito Laerte Sonsin.

Henrique Balseiros, Kiel Damasceno, Vinicius Saudino e Sandro “Palhaço” não pouparam críticas ao atendimento no Hospital Municipal, com acusações sem provas na ocasião, e desqualificaram a posição ocupada por Márcio. Kiel foi o mais enfático nas críticas, falando que Márcio Conrado mentiu e não estaria contribuindo com a CEI da Saúde, além de falar que o ex-vereador não entende de Saúde. “(Márcio Conrado) Não é o secretario que precisávamos. A cidade precisa do Gideon na Casa, mas não precisa do Márcio lá em cima, porque ele não entende de saúde. Hoje minha posição nesta Casa é a troca do secretário Márcio. Eu sugiro que ele vá para (a secretaria de) Negócios Jurídicos, porque foi pra isso que ele estudou. Ele não estudou para ser secretário (de Saúde)”, afirmou.

Por outro lado, o vereador Macaia deu um voto de confiança ao ex-companheiro de plenário. O edil falou que Márcio apontou soluções para a pasta nos últimos quatro anos e agora tem a chance de colocar em prática. “Respeito a opinião de cada um, mas na opinião desse vereador, acertou em escolher o Márcio para a pasta. Ele tem o conhecimento de todos os problemas. Ele sempre questionou os secretários sobre quanto recurso a mais fosse necessário, agora, está na sua mesa, faça um levantamento e inicie a solução dos problemas. Ele sempre questionou ao longo de quatro anos. Agora é só resolver. Se ele resolver todos os problemas que criticou, tenho certeza que a saúde da cidade chegara quase a 100%”, frisou.

Posts Relacionado

Juntos somos mais fortes!

Caríssimos leitores. Espero encontra-los bem, com a graça de Deus. Deixo um abraço muito especial ao menino Valdir do Scalet. Meu grande amigo de longas datas. Sempre digo e acredito que, a convivência com a nossa família, amigos e comunidade são muito importantes, para a

Fábricas e seus operários

A cidade de Salto é marcada por uma pluralidade em seu desenvolvimento cultural ao longo dos anos. Uma cidade conhecida pelas suas festas sendo, inclusive, uma referência regional nas manifestações artísticas.  Salto é uma cidade de trabalhadores, operários que vieram de diversas partes do Brasil